Devo me casar porque tivemos filhos?

Tenho 2 filhos com um homem que me conquistou por ser “cristão”, pensei que se nós orássemos juntos e nos casássemos, seriamos felizes. Quando o conheci, estava quase me batizando. Mas, na verdade, ele estava usando Deus, apenas para se aproximar de mim. Tivemos relação contra a minha vontade e eu, no dia seguinte já não voltei a falar com ele. Mas o resultado dessa relação foi uma gravidez. Ele me abandou durante a gravidez dos nossos filhos e quando eles nasceram se reaproximou, dizendo que estava arrependido. Agora, depois que me reconciliei com minha vida cristã e entendi que a culpa disso não era de Deus, resolvi me batizar. Mas ele ainda não respeita a minha decisão de não ter relações sexuais, desconfia, briga e tem muitos ciúmes de mim, não me respeita e, enfim, não vive uma vida conforme a vontade de Deus.
A dúvida é: o fato de termos filhos (lindos e abençoados, a propósito), me torna obrigada a me casar com ele?
(Ele tem 40 anos, é batizado há 21. Eu tenho 20 e me batizei esse ano).

2 ideias sobre “Devo me casar porque tivemos filhos?

  1. Resposta: Até abancada evangélica ora junto e veja o resultado! Relação contra sua vontade é estupro! O batismo é um testemunho para os homens e a fé é um testemunho para Deus. Escolhe o que mais importa! Nada a obriga a casar com ninguém, pelo menos na boa e bela palavra de Deus. Já quanto à religiosidade, não vão faltar cretinos que a obriguem a casar fora de sua vontade. A igreja está lotada destes frustrados e aprisionados por profetadas dos que não lêem a bíblia. Leia o livro de Efésios e Colossenses – ame a Deus e viva uma vida simples!

  2. Graça e paz.
    A questão é que se vc o tinha como marido e convivia com ele como tal vc já estava casada perante Deus. Agora se como vc mesma disse, vc foi forçada, não foi uma relação consentida, além de que vc se afastou dele e não o perdoou pelo ato convivendo com ele. Ora, este homem por mais que seja batizado a 21 anos ele não o é no coração, não morreu de novo e nasceu pra Cristo pois não pratica as ordenanças dele.O fato de ter nascido filhos entre vcs neste caso não a obriga casar com ele pois vc não viveu maritalmente com ele após este ato. Vc sofreu uma violência sexual e isso inclusive é crime. Se vc o tivesse perdoado e convivido com ele seria diferente, mas não, então siga sua vida cristã e não se ajunte com jugo desigual. O ideal seria que ele se arrependesse de verdade e fosse novo homem, mas pelo que vc diz ainda não é um cristão e vc não sabe se poderá salva-lo. Procure a Cristo nas escrituras e ele lhe orientará do mais. Contudo seja ciente de que o que vc escolher deverá seguir, não volte atrás em decisões, seja seu sim, sim é seu não, não, o que passar disse é de procedência maligna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *