É errado escrever um livro de ficção??

Estou escrevendo um livro e ele tem ficção, quero saber se é errado já que sou cristã??

11 pensou em “É errado escrever um livro de ficção??

  1. Se VC quer ser fiel a deus vc / tem que abrir mao desas coisas ficção , não e uma coisa que traz verdade , queM e o pai da mentira , e o demônio , deus e verdade , termos que fazer só oque deus gosta pregar a palavra e obedecer os mandamentos , deus que sacrificio , só assim ele sabem que ama ele.

  2. Paz Miriam. Como vai??

    Com cristãos, somos aconselhados a pensar nas coisas do Alto, e não nas do mundo:

    ´´Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.´´ Filipenses 4:8

    Vc acha q poderia criar uma ficção q envolva as coisas de Deus…? Acho q Jesus se agradaria disso, de vc usar seu talento com coisas que levem os outros aa se aproximarem de Cristo. Isto poderia até ser sua forma de levar o Evangelho ao mundo, onde as pessoas sofrem por não conhecerem o Amor de Deus em Cristo.

    Paz, querida 🙂

  3. ficçao sao coisas mentirosas,,inventadas pela mente humana, e como cristao temos que nos abster destas coisas,,pois quando escolhemos o caminho da salvaçao, temos que examinar as escrituras pois delas se testifica a salvaçao,,pois assim está escrito…ficarao de fora os que amam e cometem a mentira,,,, apocalipse 22;15

  4. Ficção é sinônimo de mentira. Apocalipse: Ficarão de fora da cidade santa os cães, os feiticeiros, os espíritas e todos os que amam e cometem a mentira. O Diabo é o pai da mentira.

  5. Vocês são todos malucos! Grandiosos luminares da humanidade como Vitor Hugo, Goethe entre outros escreveram obras fictícias que engrandeceram as mentes das pessoas que as puderam ler! Fé cega e sem conhecimento = Ignorância, atraso, crimes religiosos e intolerância!

  6. Calma gente!
    Primeiramente, o próprio Deus respeita as escolhas de cada um de nós. Não devemos repreender ninguém ou tirar seus direitos. O máximo que podemos é orientar. Temos que analisar a parte boa e a ruim:

    Se ficção é errada, porque os sonhos não são? Nos sonhamos historias e muitas vezes elas são revelações de Deus. Sonhos são mentiras? Não. Se você quer escrever um livro, vai em frente coloque o seu sonho no papel.

    Mas tome muito cuidado! Nem todo livro de ficção é bom. Se ele apresentar valores e conceitos bons, porque condena-lo? Acho ruim, por exemplo, quando lemos um livro que ensina o pecado, o adultério, magias, etc. Deus nos deu a liberdade para escrever, mas temos que ser conscientes. Tudo dependerá da finalidade do livro.

    E você tem que saber algo IMPORTANTE: Deus quer que você viva a realidade e não ilusões. Quando você vive ilusões, começa a fugir da realidade e isso pode te confundir, pode te enfraquecer.
    As ilusões nos fornecem prazeres temporários, mas a realidade pode nos trazes tudo isso a longo prazo. Por que ler certos livros de ficção se você pode ler a Bíblia e meditar na palavra de Deus?

    Mas nem por isso devemos condenar os outros livros! Deus pode ter manifestado em nossos irmãos e eles podem ter produzido boas obras para que possamos compartilhar nossos sonhos e experiências. Muitas vezes um escritor quer passar seus sentimos ou alguma mensagem boa para um leitor!

    Temos que meditar na palavra de Deus! Nem tudo é tão errado assim! Deus é muito bondoso e nós deu uma vida livre para fazer muitas coisas, nós apenas temos que nos lembrar de usa-la para o bem! E não devemos mistura-la com coisas do mundo, porque assim estaríamos corrompendo nosso proposito.

  7. Olá a todos,

    Na minha opinião essa resposta pode ser bastante subjetiva, ou seja, depende do tipo de ficção que você está escrevendo. Quando falamos de ficção a maioria das pessoas pensa naqueles livros do tipo harry potter e nos filmes da disney, avatar, guerra nas estrelas, terra do nunca e whatever. Mas ficção vai muito alem disso.

    Ficção não é sinônimo de mentira. Trata-se de uma historia criativa que pode ou não ser bastante educativa. Ha muitas historias nos livros acadêmicos que não são reais mas têm ricas lições. Eu particularmente, gosto de ler os livros de Augusto Cury, principalmente o “vendedor de sonhos” onde conta a historia de um homem que conquistou seguidores por sua sabedoria e simplicidade. é uma ficção educativa e muito empolgante.

    Em resumo: Você saberá se seu livro é recomendável ou não através do conteúdo do seu livro. O impacto que causara aos leitores será edificante? Provavelmente mais de 85% dos livros de ficção são lixo para a alma. Seja cuidadosa e me envie a copia antes de publicar para eu dar o meu parecer final rsrs. A paz seja contigo.

  8. E se a pessoa escrever um livro bom digamos assim não envolvendo magia e essas coisas, escrever um livro normal como são nossas vidas digamos falar a verdade falar a realidade e ao mesmo tempo estar escrevendo uma ficção, mas colocando Deus e falando o quão bom ele é e um pouco de nossa realidade, seria errado ?

  9. Eu sinceramente estou indignado. Nunca vi tanta ignorância na minha vida. Eu quero dizer uma coisa. Amo a Deus, amo a Jesus profundamente, e também amo livros de ficção. Não existe pecado algum nisso, apesar de pessoas ignorantes e preconceituosas como as que eu vi aqui dizerem o contrário. A ficção NÃO é sinônimo de mentira. Ao contrário, ela é uma projeção hipotética da realidade que tem o poder de abrir os nossos horizontes e ao mesmo tempo nos proporcionar alegria e prazer. Alguém nesse site disse: “Por quê ler livros de ficção e não a palavra de Deus” E por quê não ler ficção? A Bíblia condena isso por acaso? Em algum lugar da Bíblia está escrito que isso é pecado? E por quê praticar esportes? E por quê pescar? E por quê ler livros didáticos? E por quê sair com os amigos? Por quê se relacionar com pessoas, quando pode se relacionar apenas com Deus? E por quê fazer faculdade? Afinal, se tudo que importa é a vida eterna, por quê se preocupar com a vida terrena? Meus irmãos, parem de ser preconceituosos, parem de julgar aquilo que não conhecem. Agindo assim, vocês não percebem que estão sendo legalistas, que estão agindo como os fariseus na época de Jesus? A Bíblia diz que não devemos amar as coisas do mundo? Que coisas? Ela se refere ás coisas nocivas e prejudiciais do mundo (bebida, drogas, promiscuidade, libertinagem), é a essas coisas que nós devemos condenar. Vocês querem rejeitar tudo aquilo que o mundo oferece? Se for para seguir essa lógica, então seria melhor nos trancarmos em casa, apenas lendo a Bíblia, sem contato com o mundo exterior. A Bíblia é o livro mais perfeito que existe, porém, existem outros livros que merecem ser lidos, que podem acrescentar muito para nossa consciência e ao mesmo tempo nos entreter. Esse é o objetivo da boa ficção, entreter de forma sadia, de forma a enriquecer a nossa mente, e não corrompê-la. Amigos, por favor, não sejam legalistas como os fariseus. Aprendem a ter discernimento para distinguir aquilo que é lixo daquilo que é a verdeira arte.
    Por favor, eu peço que ninguém se ofenda com aquilo que eu disse. Minha intenção não é ofender ninguém, é apenas esclarecer sobre algo que muitas vezes é condenado e visto de forma estereotipada e totalmente injusta. A boa ficção não tem nada de anti-cristã, e pode ser muito apreciada se conhecida a fundo. Deus nos deu discernimento para distinguir o que não presta daquilo que é bom. Portanto, façamos uso desse discernimento.
    Amém!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *