Sou Batizado, posso fazer sexo? Ou só depois do casamento?

Olá, boa noite, eu tenho 22 anos e sempre fui da igreja sempre gostei de servir a Deus e lê a palavra quando tinha oportunidade, fiquei afastado dois anos, e agora eu estou namorado e voltei para casa do senhor. Só que minha pastora falou comigo, que fazer sexo sem ser casado e pecado é isso impede também que eu venha fazer parte da santa ceia, desde quando eu voltei eu não tomo, pois tenho que está em comunhão com Cristo e sei que não estou, pois tava afastado muito tempo e agora isso de sexo. Eu e minha namorada estamos tentando nos segura só que é muito difícil. Gostaria de saber o que devo fazer? Minha namorada é minha sogra aceitaram Jesus e eu e minha família estamos caminhando, só que minha pastora disse que não adianta ir e continuar pecando e eu não poderei fazer parte da santa ceia, isso é verdade pois é pecado. Mas gostaria de saber com mais detalhes se puderem me ajudar, agradeço

6 ideias sobre “Sou Batizado, posso fazer sexo? Ou só depois do casamento?

  1. Já que gostas de ler a bíblia, O maior legislador sobre as práticas da igreja é ROMANOS; O maior legislador sobre a prática de ofertar e sobre ceia é CORÍNTIOS; O maior legislador sobre a vida que importa é JOÃO (o evangelho e as cartas) e EFÉSIOS). Vais perceber que a ceia é para ser executada todas as vezes que vc se encontrar com outro irmão em função dEle, ou seja, você pode encontrar-se com 10 amigos crentes para jogar um futsal em espírito e em verdade, mas o objetivo é jogar bola para se divertir. Portanto não tem lógica partir o pão e cear. Mais tarde você combina com os mesmos irmãos para uma breve reunião de leitura bíblica ou oração ou qualquer outra coisa, mas agora o encontro é em função dEle ou para Ele. Aí meu amigo se encaixa a palavra “… fazei isto todas as vezes que reunirem-se em meu nome…” sacou? Se quer tem a presença do pastor ou de um líder. “Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles”. Sacou!? A liturgia da ceia ou a liturgia do dízimo ou a liturgia de 100 dúzias de regras da igreja atual é uma decisão acadêmica ou preferência de uma escola de pensamentos sem qualquer registro na bíblia. Quanto ao sexo, isto é contigo, sua namorada e Deus. É sua vida íntima e trate diretamente com o Senhor. Há 6 coisas que Deus odeia, mas a sétima ele abomina. Sabe qual é a sétima: “discórdia e intriga entre irmãos” Quantos malandros estão em abstinência sexual e outras castrações na “ceia do senhor” e não consegue estancar a língua e a discórdia antes, durante e após a ceia? Se sexo é o grande pecado, você imagina se privar da comunhão com o Senhor junto dos irmãos, para sozinho se purificar e posteriormente habilitar-se para ceia. Isso faz sentido? Viva uma vida simples, ame a Deus e evite irmãos muito beatos cuja santidade é pura aparência.

  2. Já que gostas de ler a bíblia, O maior legislador sobre as práticas da igreja é ROMANOS; O maior legislador sobre a prática de ofertar e sobre ceia é CORÍNTIOS; O maior legislador sobre a vida que importa é JOÃO (o evangelho e as cartas) e EFÉSIOS). Vais perceber que a ceia é para ser executada todas as vezes que vc se encontrar com outro irmão em função dEle, ou seja, você pode encontrar-se com 10 amigos crentes para jogar um futsal em espírito e em verdade, mas o objetivo é jogar bola para se divertir. Portanto não tem lógica partir o pão e cear. Mais tarde você combina com os mesmos irmãos para uma breve reunião de leitura bíblica ou oração ou qualquer outra coisa, mas agora o encontro é em função dEle ou para Ele. Aí meu amigo se encaixa a palavra “… fazei isto todas as vezes que reunirem-se em meu nome…” sacou? Se quer tem a presença do pastor ou de um líder. “Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles”. Sacou!? A liturgia da ceia ou a liturgia do dízimo ou a liturgia de 100 dúzias de regras da igreja atual é uma decisão acadêmica ou preferência de uma escola de pensamentos sem qualquer registro na bíblia. Quanto ao sexo, isto é contigo, sua namorada e Deus. É sua vida íntima e trate diretamente com o Senhor. Há 6 coisas que Deus odeia, mas a sétima ele abomina. Sabe qual é a sétima: “discórdia e intriga entre irmãos” Quantos malandros estão em abstinência sexual e outras castrações na “ceia do senhor” e não consegue estancar a língua e a discórdia antes, durante e após a ceia? Se sexo é o grande pecado, você imagina se privar da comunhão com o Senhor junto dos irmãos, para sozinho se purificar e posteriormente habilitar-se para ceia. Isso faz sentido? É a mesma coisa de se virar para obter uma cura e depois procurar o médico. Viva uma vida simples, ame a Deus e evite irmãos muito beatos cuja santidade é pura aparência.

  3. Só depois do casamento, mas se for pensar em casar por conta do sexo, aconselho não fazer isso pois logo haverá “novos problemas”
    OBS: ORE, mas ore buscando uma resposta!

  4. Amigo! Deus seja louvado pelo despertamento da sua consciência: querer fazer o que é certo aos olhos de Deus, é sinal de que o Espírito Santo teve acesso ao seu coração.
    Imagino que seja honesto o bastante para querer saber qual a vontade de Deus sobre o assunto que consultou. É simples – leia o seguinte texto:

    “Digo, porém, aos solteiros e às viúvas: é bom que permaneçam como eu. Mas, se não conseguem controlar-se, devem casar-se, pois é melhor casar-se do que ficar ardendo de desejo. (1Co 7:8, 9)

    “Deus opera em nós o QUERER e o FAZER” – eis o que diz a Palavra. Acompanhei há pouco tempo a experiência de um casal que vivia juntos sem serem casados, e que, ao conhecerem a Palavra de Deus, concluíram por si mesmos que deviam abster-se do sexo até providenciarem o casamento. Isto fizeram sem traumas; com alegria por estarem de consciência tranquila diante de Deus.

    O problema de muitos jovens evangélicos hoje em dia, meu amigo, é que querem viver como cristãos sem experimentarem o poder transformador do Espírito Santo; o poder que nos livra da tendência da carne e nos faz cumprir as exigências da lei. Tentar cumprir a Lei sem o Espírito gera esse drama que você está vivendo: “o bem que quero esse não faço, mas o mal que não quero esse faço”.

    Mas, o conselho da Palavra de Deus é claro: se não pode controlar-se, CASE. As Escrituras não apresentam a vida sexual fora do casamento como opção cristã. O relacionamento sexual é muito envolvente e sério, para ser considerado coisa tão leviana, sem compromisso formal diante da igreja e da sociedade.

    Quero terminar pedindo a sua atenção também para o conselho de “A Lenda”, mais acima: “casar somente por conta do sexo” não é boa decisão. Veja com a sua namorada o quanto vocês realmente se amam e estão dispostos a encararem as responsabilidades da vida matrimonial. Não brinquem com o futuro da família que vão constituir nem com a felicidade dos filhos que pretendem trazer ao mundo. ESTAMOS FALANDO DE COISAS MUITO SÉRIAS, QUE TÊM A VER COM A FELICIDADE NESTE MUNDO E NA VIDA ETERNA.

    Que Deus lhe ajude a fazer a coisa certa, meu amigo!
    pesquise.a.biblia@gmail.com

  5. Só depois do casamento a partir do momento que aceitamos jesus como nosso Salvador sendo batizado ou não não devemos fazer sexo nem se masturbar esforça tem bom ânimo que eu te ajudarei peça a Deus para preparar seu casamento assim vc será feliz Deus será contigo e será salvo

  6. Acho engraçado isso.
    NÃO PODE! e ponto final.
    As pessoas parecem que vem aqui para pedir uma autorização e poder transar e se masturbar sem se sentir mal por ofender ao Senhor.
    Até parece que um outro pecador vai te autorizar a passar o dia inteiro com o pinto na mão ou na cama com a namorada.
    Por favor….

    Fique com Deus e ore mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *